Vale das Lendas

Loading...

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Conheça um pouco sobre esses seres pequenos:

Os gnomos são espíritos de pequena estatura amplamente conhecidos e descritos entre seres elementais da terra. A origem das lendas dos gnomos terá muito provavelmente sido no oriente e influenciado de forma decisiva a cultura antiga da Escandinávia.
Como a evolução dos contos, o gnomo tournou-se na imaginação popular um anão, senão um ser muito pequeno com poucos centímitros de altura. É comum serem representados como seres mágicos não só protectores da natureza e dos seus segredos como jardins, aparecendo como ornamento. Usam barretes vermelhos e barbas brancas, trajando por vezes túnicas azuis oud e cores suavez. Na mitologia nórdica, os gnomos confundem-se com a tradição dos anões , pelo que não é invulgar associa-los a seres que habitam as cavernas ou grutas escuras e não suportam a luz do sol.No conceito geral, têm a capacidade de penetrar em todos os poros de terras e até de se introduzirem nas raízes das montanhas, explorando os mais ricos minérios ocultos e trabalhando-os com intenso e delicado labo. Como são difícieis de ver, simbolizam o ser invísivel que através do inconsciente ou da imaginação e visão onírica tornam visíveis os objectos e materiais desejados pela cobiça humana. São os guardiões de tesouros ìntimos da humanidade Por vezez um gnomo capturado pode conceder dejesos a um humano que capture, mas a maioria das vezes o desejo realizado pode acabar por se tornar uma maldição. Tal atitude deve-se ao facto que um gnomo castiga com ardis o ser que odeia e, por isso, na imaginação popular da cultura europeia mediterrânea o gnomo é feio, disforme e malicioso.
Gnoms.
As formas demoníacas: a forma mais conhecida pelos continentes ocidentais é a forma humanoide deforma, com cores cinzas e negras. Dizem as lendas que é um ótimo lutador e fas estragos que podem até matar.

As formas amigáveis: é a forma conhecida também por duende, ele é famoso por ser amigo do "Papai Noel" em sua fábrica de brinquedos. Amigável, usa touquinhas, tem a forma humanóide pequena, do tamanho de um menino de seis anos.
opoderdamagia.com

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

ENYA / EL SUEÑO DE LAS HADAS

Livro das verdades e muitos mitos

A mentira é uma verdade que não aconteceu, mas deveria....



Fadas, Duendes, Elfos, Gnomos, Bruxas e outros serem que me encantam....



E as fadas? ...
- Bem, podemos dizer que as fadas sejam seres de transição entre os elementos terra e ar.
Note-se que, embora tenham como função cuidar das flores e dos fr
utos, ligados à terra, elas se apresentam com asas. Pequenas e ágeis, irradiam luz branca e, em virtude de sua extrema delicadeza, realizam tarefas minuciosas à natureza. S
eu trabalho também compreende a interferência direta na cor e nos matizes de tudo que existe no planeta Terra. Como tarefa espiritual, adoram auxiliar na limpeza
de ambientes de instituições religiosas, templos e casas espíritas. Especializaram-se em emitir determinada substância capaz de manter por tempo indeterminado as formas mentais de ordem superior. Do mesmo modo, auxiliam espíritos superiores na elaboração de ambientes extrafísicos com aparências belas
e paradisíacas. E, ainda, quando espíritos perversos são resgatados de seus antros e bases sombrias, são as fadas, sob a supervisão de seres mais elevados, que auxiliam na reconstrução desses ambientes. Transmutam a matéria astral impregnada d
e fluídos tóxicos e daninhos
em castelos de luz e esplendor."







E os Elfos?...
Elfo é uma criatura mística daMitologia Nórdica, que aparece com frequência na literatura medievaleuropéia.
Nesta mitologia os elfos chamam-seAlfs ou Alfr, também chamados de "elfos da luz" - Ljosalfr. São descritos como seres belos e luminosos, ou ainda seres semi-divinos, mágicos, semelhantes à imagem literária da
fadas ou das ninfas. De fato, a palavra "Sol" na língua nórdica eraAlfrothul, ou seja: o Raio Élfico; dizia-se que por isso seus raios seriam fatais a elfos e anões.
Eram divindades menores da natureza e da fertilidade. Os elfos são geralmente mostrados como jovens de grande beleza vivendo entre as florestas, sob a terra, em fontes e outros lugares naturais. Foram retratados como seres sensíveis, de longa vida ou imortalidade, com poderes mágicos, estreita ligação com a natureza e geralmente acompanhadas de ótimosarqueiros. São por assim dizer, o marido das fadas.


E os Gnomos?
Os gnomos são simpáticos velhinhos de cara enrugada e roupa suja e amassada.
O gnomos têm corpo.
Vivem uns seis
centos anos, mas morrem como os humanos.
Conta-se que foram os primeiros habitantes do mundo.
Vivem debaixo da terra e adoram trabalhar.
Transformam rochas em cristais e dão brilho e cor a todas as pedras preciosas.
Também fertilizam a terra e a deixam macia para que as sementes fiquem bem acomodadas.
O gnomos gostam tanto de certas pedras que, às vezes, vão morar dentro delas.

pessoas afirmam que, de noite, costumam ouvir ronquinhos saindo de seus cristais.
Muitas bruxas usam bola de cristal para ver o futuro.
O que pouca gente sabe é que são os gnomos que
moram dentro das bolas e contam tudo para elas.
Vocês sabem por que é tão difícil de ver os gnomos?
Pois bem.
Houve uma época em que os gnomos viviam entre os seres humanos.
Mas, quando os homens começaram a destruir florestas, eles se ofenderam e desapareceram.
Agora eles nos observam de longe e às vezes escolhem certas crianças especiais para acompanhar durante a vida toda.
O que se sabe é que sua música apresenta uma beleza harmoniosa e eterna que a humanidade não cansa de apreciar.

E os Duendes?
A este grupo de elementais ligados às plantas pertencem os silvestres, os sátiros, as dríades, as hamadríades, os durdalis, os elfos e os "homenzinhos velhos das florestas". Muitos desse elementais são habitantes indígenas das substâncias em que trabalham. Por exemplo, as hamadríadres vivem e morrem nas plantas ou árvores de que são parte. Afirma-se que cada arbusto, planta ou flor tem o seu espírito de natureza, que freqüentemente usa o corpo físico da planta como sua habitação. Os antigos filósofos, reconhecendo o princípio da inteligência que se manifesta analogamente em cada setor da natureza, acreditavam que a qualidade da seleção natural, exibida por criaturas que não possuíam mentalidades organizadas para tanto, expressavam decisões dos próprios espíritos da natureza. Assim, em defesa da planta que habitava, o elemental aceitava ou rejeitava elementos alimentícios, depositava na planta matérias colorantes, preservava e protegia a semente, e realizava muitos outros serviços benéficos. Cada espécie era servida por um tipo diferente, porém apropriado, de espírito da natureza. Aqueles que trabalhavam com cogumelos venenosos, por exemplo, tinham aparência ofensiva. As grandes árvores também têm seus espíritos da natureza, mas estes são muito maiores que os das plantas pequenas.

(Elementais da Terra Vegetais)
Os Duendes são alegres, amam festas, músicas e danças.O comportamento varia em geral baseiam em atitudes humanas por estarem próximos aos homens. Esta aproximação sempre é favorecida quando o ser humano está mais frágil e sensível.
Os Duendes são ligados à Terra e geralmente conseguem controlar imprevistos da natureza
Os Duendes vivem vários anos e chegam a constituir famílias. Adoram comer e fazer brincadeiras tais como esconder objetos. Alguns possuem orelhas grandes e pontudas e grande quantidade de pêlos no corpo. Quando confiam nos homens se tornam fiéis e grandes protetores.
Magnodum: Duende da Magia
Tende: Duende da Sorte
Dunaz: Duende da Natureza
Dulei: Duende da Alegria
Duendo: Duende da União
Os duendes traquinas adoram roubar cavalos e pôneis para cavalgarem loucamente pela chanerca, enrolando e embaraçando suas crinas, fazendo com que esvoacem ao vento. Mesmo em casa, não se está seguro com relação a eles pois gostam de atirar potes e panelas nas cozinheiras.
Embora apreciem muito uma brincadeira, os duendes são trabalhadores e esforçados e são vistos freqüentemente à noite debulhando milho em troca de pão e queijo.
As lendas dizem que são pequenos anões, um gnomo ou duende pode variar de 3 a 30 cm de altura. O comportamento varia em geral baseiam em atitudes humanas por estarem próximos aos homens. Esta aproximação sempre é favorecida quando o ser humano está mais frágil e sensível.
Os Duendes são ligados à Terra e geralmente conseguem controlar imprevistos da natureza. Tanto Gnomos como Duendes vivem vários anos, cerca de cem anos e chegam a constituir famílias. Adoram comer e fazer brincadeiras tais como esconder objetos. Alguns possuem orelhas grandes e pontudas e grande quantidade de pêlos no corpo.
Quando confiam nos homens se tornam fiéis e grandes protetores.

Outros
Existe um grupo de elementais ligados às plantas pertencem os silvestres, os sátiros, as dríades, as hamadríades, os durdalis, os elfos e os "homenzinhos velhos das florestas". Muitos desse elementais são habitantes indígenas das substâncias em que trabalham. Por exemplo, as hamadríadres vivem e morrem nas plantas ou árvores de que são parte. Afirma-se que cada arbusto, planta ou flor tem o seu espírito de natureza, que freqüentemente usa o corpo físico da planta como sua habitação. Os antigos filósofos, reconhecendo o princípio da inteligência que se manifesta analogamente em cada setor da natureza, acreditavam que a qualidade da seleção natural, exibida por criaturas que não possuíam mentalidades organizadas para tanto, expressavam decisões dos próprios espíritos da natureza. Assim, em defesa da planta que habitava, o elemental aceitava ou rejeitava elementos alimentícios, depositava na planta matérias colorantes, preservava e protegia a semente, e realizava muitos outros serviços benéficos. Cada espécie era servida por um tipo diferente, porém apropriado, de espírito da natureza. Aqueles que trabalhavam com cogumelos venenosos, por exemplo, tinham aparência ofensiva. As grandes árvores também têm seus espíritos da natureza, mas estes são muito maiores que os das plantas pequenas.



Fadas na cultura popular

      • Lorelei, a fada alemã, de longos cabelos louros, que canta para atrair os homens e afogá-los.
      • Melusina, a mulher-serpente, fugiu no dia em que o marido, Raymond de Poitou, demasiado curioso, surpreendeu-a no banho em seu aspecto encantado.
      • Morgana Le Fay, a protetora do rei Artur em Avalon.
      • Viviane, a amante de Merlin.
      • Sininho (ou Tinker Bell), fada fiel a Peter Pan que é apaixonada platonicamente pelo companheiro.
      • livrodasverdades.com

A magia de Harry Potter: Veja dentro os estúdios onde os filmes foram filmados (e o maior ato de desaparecimento será de £ 100 para um bilhete de família e uma varinha) Por LIZ THOMAS


Por LIZ THOMAS

Você não precisa de uma senha, um caldeirão ou um livro de feitiço para ganhar a admissão. Mas você pode precisar bolsos em vez de profundidade.
Trouxas estão sendo concedido acesso aos salões de Hogwarts como os sets de filmagem de Harry Potter estão abertas para os fãs.
Mas o passeio de três horas dos estúdios da Warner Brothers vem com uma etiqueta de preço um pouco menos mágica - £ 83 para uma família de quatro.
Desloque-se para um passeio de vídeo de Hogwarts
Inauguração: A atração é devido a abrir as suas portas em 31 de março - apenas a tempo para as férias da Páscoa

Inauguração: A atração é devido a abrir as suas portas em 31 de março - apenas a tempo para as férias da Páscoa
Grande Hall: Dentro Castelo de Hogwarts nos estúdios perto de Watford no norte de Londres
Grande Hall: Dentro Castelo de Hogwarts nos estúdios perto de Watford, norte de Londres. O conjunto filme abre ao público pela primeira vez em 31 de março - mas os bilhetes vão custar £ 83 para uma família de quatro
Harry Potter exposição guarda-roupa
Ajuste a tabela no refeitório Hogwarts
Requisitos: trajes originais dos filmes revestir as paredes do refeitório e (à direita) um close-up de uma tabela com adereços talheres definidos
Uma figura Dumbledore está abaixo de um arco cercado por retratos em Hogwarts
O escritório de Dumbledore: Construído para Harry Potter ea Câmara dos Segredos da sala é a casa do Chapéu Seletor, a espada de Gryffindor e mesa de Dumbledore
Adicionar o custo da viagem para o local em Leavesden, Hertfordshire, além de alimentos, bebidas e mercadorias na loja de presentes, e no dia fora pode custar pais mais do que £ 200. Os críticos têm acusado a Warner Brothers, que arrecadou £ 5 bilhões a partir dos filmes de Harry Potter, de explorar o "poder importunar 'de crianças desesperadas para entrar na assistência.
Para sair do edifício, os clientes serão obrigados a caminhar através da loja de presentes, onde um dos itens à venda custa tanto quanto £ 500. As crianças vão ver varinhas de réplica para £ 24,95 e camisetas das casas da escola Hogwarts com preços entre £ 20 e £ 35.
Uma nova versão exata de vestes de diretor Alvo Dumbledore será fixado de volta £ 495,95, enquanto uma caixa de feijões Cada Sabores custa £ 8,95.
Mesmo um pequeno copo de cerveja amanteigada não-alcoólicas, a bebida de escolha para jovens bruxos, é de £ 2.95.
Ed Mayo, ex-executivo-chefe da Consumer Focus e autor de Crianças Consumidor: Como Big Business está preparando nossas crianças para o lucro, disse que os pais podem sentir que é uma tentativa de fazer um "fanfarrão barato".
Ele acrescentou: "Este é provavelmente vai ser o maior local de poder de insistência na Europa Ocidental.
"Não é nenhuma surpresa os conjuntos foram transformados em uma empresa comercial, mas isso vai ser uma manhã caro ou tarde. Parte de ser um pai é ser capaz de dizer não, mas ter de caminhar até a loja de presentes para deixar o passeio torna muito difícil. '
Harry Potter High Street: Os visitantes podem desfrutar de um local de compras janela nas lojas brilhantes ao longo mágico Beco Diagonal
Harry Potter High Street: Os visitantes podem desfrutar de um local de compras janela nas lojas brilhantes ao longo mágico Beco Diagonal
Florescer & Blotts
Sabichões Wizarding Equipment
feitiçaria varejo: Os visitantes podem ler alguns livros de feitiços na Floreios & Borrões livraria ou talvez escolher a nova varinha para sabichões Wizarding Equipment
Slug e loja Jiggers Boticário junto Beco Diagonal
Os ingressos para a atração de 150.000 pés quadrados vai custar £ 83 para uma família de quatro. Comprados individualmente, eles custam um escalonamento £ 28 para adultos e £ 21 para crianças
beco Diagonal
decker bus triplo
Atrações: uma outra visão do Beco Diagonal (esquerda) e a púrpura decker bus triplo usado em Harry Potter eo Prisioneiro de Azkaban
Atração: Os 150.000 pés quadrados estúdios da Warner Bros, deverão abrir as suas portas ao público em 31 de março - apenas a tempo para as férias da Páscoa.  Um bilhete de família custará £ 83
Atração: Os 150.000 pés quadrados estúdios da Warner Bros, deverão abrir as suas portas ao público em 31 de março - apenas a tempo para as férias da Páscoa. Um bilhete de família custará £ 83
co-fundador Mumsnet Justine Roberts disse: "É uma vergonha que algo tão popular entre as crianças como um passeio Harry Potter vai custar tanto.
"Não faria muito sentido neste clima para a Warner Brothers para ajudar a tornar as famílias" vidas mais fáceis. "
Apesar das críticas, o estúdio está esperando cerca de 5.000 visitantes por dia a afluir para ver as assombrações dos bruxos e bruxas.
Começando no 'armário debaixo da escada ", onde Harry viveram antes ele descobriu que era um bruxo, o passeio permite que os fãs para o estúdio onde a franquia foi filmado.
Eles serão capazes de perscrutar conjuntos incluindo Hogwarts 'Grande Hall, Beco Diagonal, o escritório de Dumbledore, a sala comunal da Grifinória e do roxo Cavaleiro Bus - mas não vai realmente ser permitida se aventurar dentro deles.
Um bilhete único filho custa £ 21 e um bilhete simples de adulto em £ 28, enquanto um bilhete de grupo para uma família de quatro pessoas será fixado de volta £ 83.
O passeio é aberto em 31 de março e os bilhetes devem ser reservados com antecedência na www.wbstudiotour.co.uk.
O passeio começa com um filme sobre o fenômeno Harry Potter.  Os visitantes, em seguida, digite um auditório separado para ver imagens de estrelas Daniel Radcliffe, Rupert Grint e Emma Watson
O passeio começa com um filme sobre o fenômeno Harry Potter. Os visitantes, em seguida, digite um auditório separado para ver imagens de estrelas Daniel Radcliffe, Rupert Grint e Emma Watson

hang-out de Harry: sala comunal da Grifinória é recriado ao mais ínfimo pormenor
sair de Harry: sala comunal da Grifinória é recriado ao mais ínfimo pormenor
Montagem de Filme: A cozinha da família Weasley - definido pronto para o jantar - com uma taça de frutas na mesa.  os estúdios abrem suas portas em 31 de Março e os bilhetes podem ser pré-agendados
Montagem de Filme: A cozinha da família Weasley - definido pronto para o jantar - com uma taça de frutas na mesa. os estúdios abrem suas portas em 31 de Março e os bilhetes podem ser pré-agendados
Mágica: Escritório do Professor Umbridge dentro do Ministério da Magia para os estúdios de cinema de Harry Potter
Mágica: Escritório do Professor Umbridge dentro do Ministério da Magia para os estúdios de cinema de Harry Potter
Os visitantes também poderão ver os animatronics usados ​​na série na oficina Efeitos criatura, incluindo Bicuço, o Hipogrifo, Aragog a aranha gigante, Fawkes o Phoenix ea cabeça Basilisk temível.
No interior, os visitantes podem passear, tirar fotos, e sentar-se nos bancos que estudam grafites esculpidas nas tabelas por jovens assistentes. Os fãs podem explorar Hogwarts - e até mesmo o armário sob as escadas onde Harry cresceram antes que ele descobriu que era um bruxo.
Há fantasias, animatronics e adereços como de Harry Nimbus 2000, para Quadribol. Josh Berger, presidente da Warner Bros UK, disse que era o prazer de mostrar a "criatividade e habilidade no filme britânico".
Ingressos antecipados estão disponíveis em wbstudiotour.co.uk
Agora você pode vê-lo: trajes originais do filme, incluindo manto de invisibilidade de Harry
Agora você pode vê-lo: trajes originais do filme, incluindo manto de invisibilidade de Harry
Na sala de aula: A sala de poções na escola Hogwarts com livros de texto colocado para fora em cima da mesa
Harry Potter - Levesden
Na sala de aula: A sala de poções na escola Hogwarts com livros dispostos sobre a mesa, à esquerda, e alguns dos animatronics que foram utilizados nos filmes
Orgulhoso: José Granell, supervisor modelo, é retratado com o modelo do Castelo de Hogwarts.  Ela tem sido usada para cada um dos filmes de Harry Potter
Orgulhoso: José Granell, supervisor modelo, é retratado com o modelo do Castelo de Hogwarts. Ela tem sido usada para cada um dos filmes de Harry Potter
Impressionante: O modelo como aparece no filme Harry Potter ea Pedra Filosofal
Impressionante: O modelo como aparece no filme Harry Potter ea Pedra Filosofal
Possibilidade para que todos vejam: O castelo vai em exposição como parte da fabricação de Harry Potter Studio Tour em Leavesden Studios, em Londres
Possibilidade para que todos vejam: O castelo vai em exposição como parte da fabricação de Harry Potter Studio Tour em Leavesden Studios, em Londres
Incrível: Este modelo extraordinário da Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts, prevista para entrar em exibição pela primeira vez

Incrível: Este modelo extraordinário da Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts, prevista para entrar em exibição pela primeira vez

dailymail.co.uk

segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Segredos da Terra Média - Os anéis do poder


Segredos da Terra Média - Os anéis do poder
Você já se perguntou depois que assistiu os filmes e talvez lido os livros, o que realmente é o Um Anel? porque ele é o 'Senhor dos Anéis', o que aconteceu com os outros anéis? pra que eles servem? veja aqui!
Aqui começa o primeiro artigo da nova série SN!, Segredos da Terra Média! Onde o objetivo é contar histórias mais obscuras, e responder perguntas e dúvidas que muitos tem, ao terminar de ver a série de filmes e as vezes até mesmo os livros!

A Terra Média possui uma quantidade exorbitante de conteúdo e fica difícil as vezes procurar ou tentar entender alguns fatores da história e assim acompanhando essa linha de artigos você vai entender muito mais sobre um dos mundos mais magníficos já criados!


Nesse primeiro artigo, iremos falar sobre os anéis do poder e o Um Anel, qual a ligação entre eles e como Sauron pretendia enganar a todos e a todos tentar controlar com esse poder imenso, para isso vamos voltar a história bem atrás no tempo, durante meados da segunda era da Terra Média!

Annatar, o Senhor dos presentes

Durante tempos antes mesmo de Bilbo ou os anões na luta contra Smaugh (História do livro "O Hobbit"), Sauron planejava se tornar o novo senhor das trevas e controlar toda a Terra Média, porém, os povos que residiam nessa terra, eram poderosos e numerosos ultrapassando o próprio poder do lorde e seu exército de Orcs.

Conseguir conquistar os povos não seria simplesmente com a força, Sauron tinha que capturar e controlar seus líderes, e com isso em mente, o engenhoso Sauron começou um plano para se conseguir o respeito e confiança de todos na Terra Média, para isso, Sauron usou em si mesmo um poderoso disfarce, onde mesmo os mais poderosos seres não conseguiriam identifica-lo, e assim passou a usar o nome de Annatar.

Logo se aproximou dos povos dos anões, homens e elfos, dando presentes e ensinando segredos sobre a magia e várias outras artes magnificas. Conseguiu assim a confiança da maior parte do povo da Terra Média, alguns ainda desconfiavam de sua real natureza, tais como Galadriel, Elrond e Gil-Galad (este ultimo sendo o rei supremo dos elfos de Noldor).

Forjando os 20 anéis do poder.

Logo Annatar ficou conhecido como o Senhor dos presentes na Terra Média e se aproximando bastante dos elfos de Eregion que são conhecidos por suas habilidades soberbas na arte de criar joias e ornamentos mágicos. Annatar então ensina aos artesões de Eregion a arte da forja de anéis mágicos. O elfo mais habilidoso de Eregion, Celebrimbor (Pronuncia-se Quelebrimbor), cria 3 anéis mágicos para os elfos apartir dos ensinamentos de Annatar, depois ambos se juntam e criam 16 anéis mágicos (3 sómente pelas mãos de Celebrimbor e 16 feito por ambos), e como presente, Annatar dá 7 anéis para os reis Anões, e 9 para os homens.

Os 16 anéis trazem vigorosidade e imortalidade para os usuários assim como a vida imortal dos Elfos, quem usa qualquer anel do poder se torna invisível para os olhos comuns e apenas aqueles que já vislumbraram o plano dos mortos conseguem enxergar um usuário do anel. Porém existia mais um efeito que Annatar não contara para ninguém.

Annatar volta para sua verdadeira terra, Mordor, e dentro da montanha da perdição, agora revelado novamente como Sauron, ele forja o vigésimo anel, o mais poderoso e único, o Um Anel. Apartir dele Sauron teria o poder de controlar de maneira maligna todos aqueles que estivessem usando qualquer um dos outros 19 anéis.

Um Anel para todos governar, Um Anel para encontrá-los
Um Anel para todos trazer e na escuridão aprisioná-los

Controlando e destruindo os povos com o Um Anel

O Um Anel tem o extremo poder corruptível de escurecer o coração de qualquer criatura que tenha malicia e maldade dentro de si. quanto mais suscetível o usuário do anel for as trevas, mais rápido o anel consegue corrompe-lo.
Mesmo Sauron quando ainda era Annatar, começou a gostar de ser querido por todos, e por um breve momento após criar o anel, quase desistiu de seus planos, porém o próprio anel corrompeu seus pensamentos e o mergulhou de volta as trevas.

Para forjar o anel Sauron descarregou uma enorme parte de seu poder, mas fazendo assim com que se tornasse ainda mais poderoso do que antes quando junto ao anel, e enquanto o anel existir, Sauron sempre vai existir. E assim começou sua ligação simbiótica com o Um Anel.

No momento que Sauron profanou as palavras para ativar o encanto do Um Anel, os 3 elfos perceberam e sentiram todo o intuito de Sauron, e conseguiram num súbito grande esforço, remover os anéis de suas mão impedindo o controle de Sauron sobre eles mesmos.

Os primeiros anões foram esculpidos em pedra por Aulê (um dos Valar, os seres supremos do mundo), e por conta disso os anões são as criaturas mais teimosas e difíceis de serem convencidas a qualquer coisa, sendo tão maleáveis quanto uma pedra. por conta disso não foram controlados por Sauron e nem se tornaram invisíveis, mas cada um deles foi afetado pelos anéis de maneira que aumentou ainda mais a ganancia deles por tesouros, e com o uso dos anéis adquiriram uma quantidade incalculável de tesouros, porém assim amaldiçoando-os a um destino cruel, onde a maioria deles acabou morrendo pelo fogo de dragões que foram atraídos pelo tesouro dos anões (Na maioria de seus casos sendo consumidos completamente por essas chamas destruindo inclusive os anéis).

Inicialmente os homens ganharam imortalidade e grande afinidade com poderes mágicos, transformando eles em poderosos bruxos e feiticeiros, mas os homens por seu espírito frágil, todos sem exceção sucumbiram à vontade de Sauron, se tornando os temíveis Nazgul, que vivem indefinidamente sem vontade própria e com sua presença física invisível aos olhos comuns, seguindo Sauron até o fim de suas existências (servindo a ele com ou sem possuir o Um Anel), tornando-se mais poderoso de acordo com o poder que Sauron possui.


O Destino dos Anéis


 
Os 9 anéis dados aos homens, não se sabe exatamente onde se encontram, alguns dizem que podem estar junto aos nazgul e quando são derrotados os anéis desaparecem assim como eles fazem, ou se os anéis estão escondidos na morada de Sauron. Dentro da história da Terra Média, nunca mais se ouviu sobre os anéis que fizeram os reis sucumbirem.


 
Os 7 anéis dado aos reis anões em sua maioria foram destruídos durante ataque de dragões, restando apenas 3 aneís, que Sauron conseguiu recuperar para si.


 
Os 3 anéis feito para os elfos, foram todos feitos por Celebrimbor. sem nunca serem tocados por Sauron, e de todos os 19 anéis vassalos ao Um Anel, os 3 anéis feitos por Celimbrimbor são os mais poderosos e ao invés do usuário se tornar invisível como os outros 17 aneís, esses anéis são em si invisíveis. Abaixo o destino individual de cada um dos 3 anéis:

Vilya, o anel dos ventos, é considerado o mais poderoso dos 3 anéis, e foi dado para o mais poderoso elfo da segunda era, Gil-Galad, que depois confiou a segurança do anéu a Elrond, dizem que os poderes de visão do futuro de Elrond vem deste anel.

Nenya, o anel da água feito de mithril, foi dado para Galadriel, e ela o usou para proteger o seu povo após Sauron perder a posse do Um Anel.

Narya, o anel do fogo, foi dado para Círdan, o senhor dos elfos de Mithlond, que o guardou e protegeu, até o inicio da terceira era, quando ele reconheceu Gandalf como o ser mais sábio e de verdadeira bondade, assim confiando o anel para Gandalf e que assim ajudasse o mago em suas jornadas.

O Um Anel, como é contado na história de O Senhor dos Anéis, foi arrancada das mãos de Sauron por isildur, e com o passar de vários anos no fim, foi jogado nos poços de lava da montanha da perdição aonde foi forjado, assim sendo destruído e derrotando de uma vez por todas o lorde das trevas. Sauron por ser um Maia, continua existindo sem um corpo, apenas como um espirito maligno vagando pela Terra Média, e sem seu Um Anel, jamais conseguiu poder novamente para realizar qualquer ato por mais vil que seja.
 somosnerds.com.br
"Três Anéis para os Reis-Elfos sob este céu,
Sete para os Senhores-Anões em seus rochosos corredores,
Nove para os Homens Mortais fadados ao eterno sono,
Um para o Senhor do Escuro em seu escuro trono
Na Terra de Mordor onde as Sombras se deitam.
Um Anel para a todos governar, Um Anel para encontrá-los,
Um Anel para a todos trazer e na escuridão aprisioná-los
Na Terra de Mordor onde as Sombras se deitam."


Segredos da Terra Média - Os Istari

Segredos da Terra Média - Os Istari
Quem realmente foi Gandalf? e os outros magos? De onde eles vieram, e porque eles fazem o que fazem? Tudo isso respondido em mais um episódio de segredos da Terra Média!
Os Istari, que na língua éflica significa "sábio", são conhecidos como os magos da Terra Média.
Dentro da Terra Média, poucos sabem sua real origem, e praticamente toda a humanidade só conhecem eles como os sábios magos. Apenas alguns seres da Terra Média, como Galadriel por exemplo, sabem realmente a origem desses magos.
A ordem dos magos, é composta por 5 integrantes, sendo eles Saruman, Gandalf, Radagast, Morinehtar e Rómestámo.

Para explicar a origem dos magos, temos que visitar a terra dos Valar, em Aman mais precisamente em Valinor.

A Origem dos Istari

Os valar são algo como os deuses da Terra Média, que criaram grande parte das coisas existentes, e são serventes diretos do ser supremo conhecido como Eru, ou na língua comum, Ilúvatar.
Numa classe mais baixa, existem os Maiar, que são criaturas divinas que vieram desde o início dos tempos e, assim como os valar, mas não tão poderosos quanto. Todos os istari são Maiar, assim como também Sauron, que é um dos mais poderosos Maiar.

 
Durante o ano 1000 da terceira era da Terra Média, os Valar decidiram enviar 3 mensageiros para a Terra Média e ajudar os povos contra a tirania de Sauron.
O Vala chamado Aulë (senhor das artes do manuseio e construção, criador dos anões e o primeiro mestre de Sauron, enviou Curumo (conhecido na língua comum como Saruman). Veio também Alatar (Morinehtar) enviado por Orowë (senhor das florestas e da caça).

O Vala Manwë (Senhor de todos os Valar) pediu para Olórin (Gandalf) que fosse o terceiro, porém Olórin recusa-se, dizendo que é muito fraco e que teme o imenso poder de Sauron. Manwë então diz que isso é ainda mais razão para que ele vá, e assim ordenou que Olórin partisse com os outros para a Terra Média.
Yavanna (Senhora dos frutos e do crescimento) pediu que levassem também Aiwendil (Radagast).
E assim Alatar pediu que Pallando (Rómestámo), seu grande amigo, fosse junto também.
Assim formando os 5 Istari, partiram de Aman em direção a Terra Média, partindo de Vallnor.

Os Istari na Terra Média

Ao serem enviados para a Terra Média, o objetivo dos Istari era ajudar os povos da Terra Média aconselhando-os a como lutar contra Sauron. Mas para isso Manwë proibiu que eles dominassem o povo da Terra Média com força, tal como enfrentar Sauron usando a força. Ele queria que aconselhassem o povo para eles agirem contra Sauron.
Com isso, ganharam a forma de homens velhos de aparência amigável, e sujeito a todos os prazeres e medo das criaturas comuns, seja ela felicidade, inveja, medo e todo tipo de sentimentos, tal qual vulneráveis a morte por brutalidade.

Gandalf, o cinzento, foi o ultimo dos Istari a chegar na Terra Média e ao contrario de Saruman, ele passou a maior parte do tempo conhecendo os povos, e andando entre elfos aprendendo com eles e aconselhando-os.

Gandalf de todos os outros era o mais decrépito com suas roupas cinzas e surradas, se apoiando a uma bengala, mesmo assim, o elfo Cirdan reconheceu Gandalf como a criatura mais sábia e pura que ele conhecera, e com isso confiou o anel do poder Narya para Gandalf para que o ajudasse em suas viagens.
Isso causou uma imensa inveja em Saruman, que era muito orgulhoso e acima de tudo desejava ser reconhecido como o mais poderoso e merecedor.

Com o tempo Radagast O Marrom partiu para a Floresta das Trevas (Mirkwood) e lá ficou durante toda a Terceira Era, protegendo e cuidando da floresta e seus animais,
Os magos azuis, Morinehtar e Roméstámo, ambos partiram para o leste, e desde então nunca mais se soube deles, dizem que da forma que puderam ajudaram durante a última guerra contra Sauron nos eventos que aconteceram naquela região, mas nada se sabe realmente sobre isso.
Saruman o Branco, formou o Conselho Branco onde os 3 magos fizeram parte e tomavam decisões sobre a Terra Média. Porém Saruman começou a mostrar um terrível interesse no Um Anel e nas artes das trevas, e começou a estudar as máquinas e sabedorias de Sauron, aumentando a sua vontade de possuir o poder acima de qualquer custo, e passou a maior parte da sua estadia na Terra Média, na torre de Orthanc, em Isengard
Gandalf o cinzento fez amizade com vários povos pela Terra Média, sendo extremamente respeitado por todos. E de todos os povos, Gandalf mostrou um interesse e um carinho especial pelos Hobbits, passando vários anos próximo a eles, onde era conhecido pelos seus fogos de artifícios magníficos.
Gandalf começou a suspeitar das intenções obscuras de Saruman, e com isso também aumentou ainda mais a sua suspeita que Sauron pudesse estar voltando e assim encontrou o anão Thorin, e o ajudou com o intuito dos anões recuperaram o controle da região da antiga cidade deles que foi assolada por Smaug, e assim diminuindo o perigo de um possível ataque do dragão que ficava próximo a Valfenda caso Sauron resolvesse atacar.
Com isso, Gandalf e Saruman passou por toda a história contada em o Hobbit e o Senhor dos Anéis.

A queda final de Saruman e o fim dos Istari

Saruman derrotado por ter subestimado a força e a fúria dos Ents, foi preso, porém com o poder de sua fala conquistadora, conseguiu convencer os ents a deixa-lo partir em troca das chaves de Orthanc.

Então Saruman partiu para o Condado, e lá começou a unir um pequeno exército formado por meio-orcs, selvagens e hobbits, com o intuito de reerguer um novo exército e adquirir poder.
Merry, Peppin e Sam, se uniram e conseguem reunir um exército de hobbits, Frodo não participou dessa batalha, mas garantiu que nenhum inimigo desarmado fosse assassinado, ou que um hobbit matasse outro (nunca o haviam feito, e não começariam agora)



Peppin e Merry depois de participarem da grande guerra que ocorreu em Minas Tirith, conseguiram grande coragem e liderou a nova armada contra as forças de Saruman que foi completamente derrotado e banido do condado, mas antes que pudesse fazer qualquer coisa, Lngua de Cobra traindo Saruman, cortou seu pescoço, matando Saruman, em seguida Língua de Cobra é morto atingido por flechas disparadas pelos hobbits sem que Frodo pudesse fazer nada para impedir o assassinato.

Saruman, sendo um Maia, não morre completamente, e teria sido mandado para o Salão de Mandos, porém ficou condenado a nunca mais voltar para a Terra Média, e tão pouco voltar para a terra dos Valar, vagando eternamente.

Marcando o fim da terceira era, Gandalf volta junto a Frodo, Bilbo, Elrond e outros para a terra dos Valar, para nunca mais voltar a Terra Média depois de passar mais de 2000 anos lá.
O destino dos magos azuis e do mago marrom Radagast, é desconhecido.

Os Istari apesar de seres magníficos, muitos deles foram corrompidos pelos malefícios da carne, e por conta disso, os magos azuis nunca mais foram vistos, Radagast foi encantando pela floresta e esqueceu completamente a sua missão com os povos dos homens e dos elfos, e Saruman corrompido pela sede do poder.
Gandalf não apenas como o maior entre os magos, projetou sua luz sobre o povo da Terra Média, guiando-os, e salvando-os, sem fazer uso de nenhum poder supremo ou tirania, mas apenas com a sua bondade e sabedoria.O mais puro entre todos os magos da Terra Média.

somosnerds.com.br