Vale das Lendas

Loading...

quinta-feira, 24 de julho de 2014

As Sete Maravilhas do mundo medieval e do mundo moderno


Cristo Redentos RJ - Representante do Brasil
Místicas, famosas, quase todas desaparecidas na poeira do tempo, as Sete Maravilhas do Mundo constituem um fascínio do homem sobre a sua própria criatividade, arte e obra de construção.
Conhecidas como as Sete Maravilhas do Mundo Antigo, são obras artísticas arquitetônicas erguidas durante o esplendor da Antiguidade Clássica, que assim ficaram imortalizadas através de uma lista que se perpetuou através dos tempos.
A única certeza que se tem sobre a origem da lista é que foram os gregos os primeiros povos a divulgá-la, por volta dos anos 150 a.C. a 120 a.C.

As sete maravilhas do mundo medieval foram :

Pirâmides de Gizé(Egito)


Farol de Alexandria(Egito)


Jardins Suspensos da Babilônia(Mesopotâmia)


Templo de Ártemis em Éfeso(Ásia Menor) 



Estátua de Zeus em Olímpia(Grécia) 


Mausoléu de Halicarnasso(Turquia) 


Colosso de Rodes(ilha de Rodes)



O fascínio que a lista das Sete Maravilhas do Mundo exerce através dos séculos, fez com que o homem criasse, ao longo dos tempos, várias outras listas, trazendo as construções mais belas que a humanidade já criou.
No século XVI, inspirados na lista original das maravilhas, que passou a ser chamada de Sete Maravilhas do Mundo Antigo, surgiram diversas listas chamadas de Sete Maravilhas do Mundo Medieval. Algumas dessas listas surgiram, provavelmente antes da Idade Média, mas como já foi dito, só se acrescentou a palavra “medieval” a partir do século XVI.

Entre tantas listas medievais foram citadas :


Stonehenge


Monumento megalítico da Idade do Bronze, situado na planície de Salisbury, próxima a Amesbury, no condado de Wiltshire, sul da Inglaterra.

Coliseu de Roma 

Monumento também chamado de Anfiteatro Flaviano, situado em Roma, na Itália.

Catacumbas de Kom el Shoqafa 

Sítio arqueológico histórico situado em Alexandria, no Egito.

Torre de Porcelana de Nanquim 

Também conhecida como Bao’ensi (Templo da Gratidão), sítio arqueológico histórico localizado ao sul do rio Yang-Tsé, em Nanquim, na China.

Torre de Pisa 

Torre projetada para abrigar o sino da catedral da cidade de Pisa, na Itália, famosa por sua inclinação.

Muralha da China 

Também chamada de Grande Muralha, é uma gigantesca estrutura de arquitetura militar construída na China, durante o Império.

Basílica de Santa Sofia 

Também conhecida como Hagia Sophia, imponente edifício do Império Bizantino, feito para ser a catedral de Constantinopla, atual Istambul, na Turquia.

Uma nova lista surgiu em 2006, chamada de Novas Sete Maravilhas do Mundo ou as Sete Maravilhas do Mundo Moderno. Os monumentos que a compõem foram escolhidos em um concurso informal, de cunho popular internacional, promovido pela New Open World Foundation. A fundação pré-selecionou vários monumentos e lançou uma votação através de telefones móveis e da internet de todo mundo, para que se escolhesse as novas Sete Maravilhas do Mundo. Cem milhões de pessoas votaram de todas as partes do mundo. O resultado final foi anunciado em uma cerimônia na cidade de Lisboa, Portugal, em 7 de julho de 2007. O concurso não contou com o apoio da UNESCO.
Assim, foram escolhidas as Sete Maravilhas do Mundo Moderno, duas das quais, já haviam aparecido na lista das maravilhas medievais: 

As sete maravilhas do mundo moderno

Muralha da China – Veja a descrição acima.
Petra – Importante enclave arqueológico situado na bacia entre as montanhas que formam o flanco leste de Wadi Araba, na Jordânia.
Cristo Redentor – Estátua de Jesus Cristo, situada no alto do pico do Corcovado, na cidade do Rio de Janeiro, no Brasil, a 709 metros acima do nível do mar.
Machu Picchu – Cidade pré-colombiana erguida pelos incas no topo de uma montanha, no vale do rio Urubamba, no Peru.
Chichén Itzá – Cidade arqueológica maia, situada no estado de Iucatã, no México.
Coliseu de Roma – Veja descrição acima.
Taj Mahal – Mausoléu situado em Agra, uma cidade da Índia.
Outras tantas listas foram perdidas, muito mais serão criadas, mas nenhuma será tão definitiva, intrigante e fascinante quanto a lista das Sete Maravilhas do Mundo, em que seis delas, apesar de consumidas pelo tempo, não deixam de excitar à imaginação do homem diante das belezas das suas criações através da história.tecendoasabedoria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário